da poetica naturam 1
da poetica naturam 1

Ana Vieira Ribeiro

da poetica naturam 2
da poetica naturam 2

Ana Vieira Ribeiro

da poetica naturam 1
da poetica naturam 1

Ana Vieira Ribeiro

1/2

7 AGO > 20 AGO

Entendendo a realidade (a Verdade) como circunstancial e relativa a cada indivíduo que a percepciona e a cada ponto de vista informado, e não como algo uno e simples, Ana Vieira Ribeiro, parte de espaços existentes, como a sua própria casa (série Viver todos os dias cansa), uma antiga estação ferroviária fronteiriça (série Subnigrum- fronteira), ou - neste caso - um conjunto de Silos de cereais, de onde coleciona objetos encontrados e registos feitos no local. Essa recolha, por sua vez, é fabulada e traduzida visualmente para as peças apresentadas, resultando em narrativas que mesclam os vestígios/presenças do passado com o que (a autora imagina que) cada espaço poderia ter sido ou poderá vir a ser, ficcionando as possibilidades, ou os pontos de vista (im)possíveis (a)presentados. Este é um projeto com origem na inquietação criada pelas dicotomias : tempo/espaço e perceção/realidade, refletindo a investigação sobre os seus autores de referencia, nomeadamente Heidegger, Deleuze e Jacques Derrida. O titulo da exposição remete para uma dimensão poética, considerando a poesia como o local apaziguador de todos os enganos, ideia que é reforçada quando este é traduzido do latim para português como ficções da natureza.

CURRICULUM

Faro, 1978. Habilitações: <> Mestrado em Pintura - Faculdade de Belas-Artes da Universidade Lisboa (2012/2015)

<>Licenciatura Arquitectura -Faculdade Arquitectura da Universidade Técnica Lisboa (1996/2002) Exposições individuais/residências (seleção):

<>"Subnigrum-fronteira", curadoria Andreia César, Centro de Artes e Ofícios- S. Brás de Alportel(2019); <>Projecção “Rastro” Momento Zero - Video Lucem, parceria Museu Zer0 /Cineclube Faro- Alcotim(2019); <>Residência Artística ReSart(2017); <>"PRÁXIS", curadoria Andreia César, Galeria Ordem dos Arquitetos- Lisboa(2016); <>"Viver todos os dias cansa", curadoria Andreia César, Associação 25 de Abril- Lisboa(2016); <>"A Repetição"- Museu Municipal de Faro(2015); <>Hábitos" ETC, Espacio Transfronterizo Colaborativo- Badajoz(2014<>“Cumplicidade Pictórica", Galeria Artur Bual (2012);

 

Exposições colectivas (seleção) : <>”Mostra 2020”- Lisboa (2020); <>"30 anos da CAT"- Casa das Artes - Tavira(2016); <>"Paratissima"-  Lisboa(2016); <>"Ensaio para uma exposição"- Associação 25 Abril- Lisboa(2015); <>"vinte e dois", Galeria de Arte Contemporânea Vaag,(2013); <> Galeria Artur Bual (2013); <>Galeria LM (2013); <>Sociedade Nacional das Belas-Artes (2009 e 2010);

 

Publicações/colaborações(seleção): <>Capitulo: Enriquecer os tempos livres: o clube de plástica da escola básica de 2º e 3º ciclo Paula Vicente, em Belém [2019] In Arte comentada 2. Atena Editora (2019); <>Livro  A repetição no tempo e na prática artística. Novas Edições Académicas (2017); <>Texto na revista Matéria prima Nº 4 (3), setembro-dezembro (2016); <>Texto na revista Croma  Estudos artísticos.. Nº 4, julho-dezembro (2014); <>Membro Fundador e da Direção do Grupo de Artes Representativas__RASTILHO (2001/2004);

BACK copy.png